Orestes Vanone (PV) / 2017-2020

Nome completo: Orestes Francisco Vanone Filho
Partido: PV
Status: Já havia sido vereador entre 1993 e 2012. Ficou fora da Câmara entre 2013 e 2016, e retornou em 2017. Na eleição de 2016, recebeu 1.771 votos.
Cargo na mesa diretora: Não participa
Participação em Comissões Permanentes: Comissão de Ética
Data de nascimento: 09/09/1951
Grau de instrução: Superior incompleto
Profissão: Policial rodoviário aposentado
E-mail: vrvanone@camarataubate.sp.gov.br
Telefone do gabinete: 3625-9511 / 3625-9542 / 3625-9585
Aliança na eleição para prefeito/2016: Pollyana Gama (PPS)


2017
– Votou em ORESTES VANONE na eleição para a presidência da Câmara, mandato 2017-2018.
– Votou A FAVOR do projeto que alterou as regras do aporte bilionário para socorrer o IPMT.
– Votou A FAVOR do projeto que autorizou o município a abrir uma concorrência para contratar uma empresa para os serviços de água e esgoto.
– Votou A FAVOR do projeto que proibiu o tráfego de veículos de tração animal na zona urbana e nas áreas de expansão urbana.
– Votou CONTRA do projeto para doação de uma área de 20 mil m² no distrito industrial do Piracangaguá 2 à empresa Valle Sul.
– Votou A FAVOR do projeto que autoriza o município a usar recursos oriundos do ICMS para pagar dívidas com a Sabesp.
– Votou pela APROVAÇÃO das contas de 2013 de Ortiz Junior.
– Votou pela APROVAÇÃO das contas de 2014 de Ortiz Junior.
– Esteve AUSENTE na votação do projeto para reajustar em 8% o salário dos servidores da prefeitura, entre eles o prefeito Ortiz Junior e os secretários municipais.
– Votou A FAVOR do projeto para reajustar em 4,08% o salário dos próprios vereadores.
– Votou A FAVOR do projeto para conceder anistia de multas e juros para devedores da prefeitura.
– Votou A FAVOR do projeto para permitir terceirizações na Saúde e na Educação por meio de Organizações Sociais.
– Votou A FAVOR do projeto de revisão do Plano Diretor.
– Votou A FAVOR do projeto da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2018.


Bens declarados na eleição de 2012
Terreno na zona rural – R$45.000,00
Automóvel – R$11.000,00
Casa – R$100.000,00
Casa – R$110.000,00
Terreno – R$55.000,00
Terreno na zona rural – R$70.000,00
Automóvel – R$4.000,00
TOTAL: R$395.000,00

Bens declarados na eleição de 2016
Casa – R$85.000,00
Casa – R$140.000,00
Casa em construção – R$90.000,00
Veículo Escort 2002 – R$9.000,00
Recurso próprio (outros fundos) – R$12.000,00
Recurso próprio (dinheiro em espécie) – R$8.000,00
Terreno na zona rural – R$45.000,00
Terreno na zona rural – R$30.000,00
Automóvel – Honda Civic 2001 – R$17.000,00
TOTAL: R$436.000,00


PROCESSOS POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

Processo 0017101-77.2007.8.26.0625
MP denunciou grupo de vereadores pela aprovação de uma lei que previa a contratação de novos servidores.

Processo 0013437-96.2011.8.26.0625
Na ação, Ministério Público denunciou vereadores por ato que permitia que assessores dirigissem os carros da Câmara.